Teste Blog

Artes liberais na Idade Medieval
Embora a expressão e o conceito de artes liberais tenha se originado na Antiguidade, foi nas Universidades da Idade Média que adquiriu seu alcance e significado de Studium Generale. Dessa época, vem o costume de convencioná-la em número de sete disciplinas que a compõem, descritas mais adiante.

Na Idade Moderna, as artes liberais eram consideradas as disciplinas próprias para a formação de um homem livre, desligadas de toda preocupação profissional, mundana ou utilitária. Contrapõem-se às artes mecânicas [1] ou seja, às disciplinas não diretamente relacionadas a interesses imateriais, metafísicos e filosóficos, mas estritamente técnicos (voltados à produção de utilidades que sirvam às necessidade cotidianas do homem).

O conceito de arte dado por Aristóteles, “a capacidade de produzir com raciocínio reto”, ou ainda, “uma disposição suscetível de criação acompanhada de razão verdadeira”, é capaz de fornecer alguns elementos acerca do conceito de artes liberais que os homens da Antiguidade e da Idade Média tinham.[carece de fontes]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *